Xi Jinping agradece apoio francês. China “vencerá a batalha”

0

Durante o telefonema entre os dois líderes, Xi agradeceu o apoio prestado por Paris, afirmando que demonstra “plenamente” a “profunda amizade” entre os dois países e o “alto nível” da parceria estratégica abrangente entre Pequim e Paris, acrescentou.

Xi Jinping disse que a China “definitivamente vencerá a batalha” contra o vírus, devido à “forte capacidade” de mobilização e “experiência” em lidar com crises de saúde pública.

Emanuel Macron disse que está pronto a providenciar mais assistência, segundo a Xinhua.

A crise paralisa há quase um mês a economia chinesa, mas Xi garantiu a Emmanuel Macron que o impacto “é temporário”.

“Estou convencido de que, graças aos nossos esforços, seremos capazes de atingir os objetivos de desenvolvimento económico e social estabelecidos para este ano”, afirmou, citado pela Xinhua.

A economia chinesa cresceu 6,1%, no ano passado, o menor ritmo em três décadas, e os especialistas esperam um novo declínio este ano.

A agência de notícias chinesa indicou que Macron elogiou a “rápida ação da China e o alto grau de abertura e transparência que demonstrou” durante a crise.

A China colocou em quarentena várias cidades na província de Hubei, incluindo a capital, Wuhan, centro do surto, em 23 de janeiro, numa medida que afeta 56 milhões de pessoas.

O coronavírus Covid-19 provocou 2.004 mortos na China continental e infetou mais de 74 mil pessoas a nível mundial.

Além das vítimas mortais no continente chinês, há a registar um morto na região chinesa de Hong Kong, um nas Filipinas, um no Japão, um em França e um em Taiwan.

Fonte: NM/BA

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: