Surto de sarampo já matou 16 pessoas em Malange

0

Franco Mufindi, que se deslocou àquela localidade para aferir a situação actual, à frente de uma delegação multissectorial, composta de 22 especialistas de saúde, entre médicos pediátricos, epidemiologistas, sanitários, enfermeiros, técnicos de análises clínicas e comunicólogos, confirmou a existência da epidemia e reconheceu, de forma geral, existirem zonas cinzentas.
Integra igualmente a delegação, o secretário de Estado da Comunicação Social, Celso Malavaloneke, e médicos das Forças Armadas Angolanas (FAA) que se juntaram à causa. O secretário de Estado admitiu a possibilidade de terem sido vacinadas 95 por cento de crianças por todo o país, de modo a evitar outros casos. No caso particular de Capunda, explicou, informações, por confirmar, apontam ser uma zona com pouca história de vacinação. “Vamos comprovar isso no terreno.”
Além da comuna de Capundo, o surto de sarampo está igualmente a assolar o município de Cacuaco, em Luanda, onde, de acordo com o governante, foram já realizadas acções de contenção. “Os registos apontam para uns focos nalgumas áreas e, de um modo geral, estamos a tomar medidas de contenção que visam a realização de campanhas de bloqueio.”Franco Mufindi pediu à população para adoptar a cultura de vacinação de rotina, pois, como referiu, se assim acontecer, não haverá necessidade de estar se a correr atrás do prejuízo.
Na região de Capunda, a equipa de trabalho vai, além de cuidar dos casos de sarampo, fazer uma análise da situação sanitária da área, com realce para o caso nutricional das crianças para, posteriormente, se fazer acompanhar de insumos para dar resposta à questão da malária e outros. Depois de Malanje, uma equipa multissectorial desloca-se à localidade de Cafunfo, província da Lunda-Norte, para constatar a realidade, tendo em conta que relatos apontam para a ocorrência do mesmo surto epidémico de sarampo.
O secretário de Estado, Celso Malavaloneke, integra a comissão multissectorial para cuidar dos assuntos inerentes à comunicação e informações pontuais das populações, para se redobrar os cuidados e acompanhar as fases de vacinação.

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: