Primeiro caso de coronavírus confirmado na África do Sul

0

As autoridades da África do Sul confirmaram, ontem, o primeiro caso de Covid-19 no país, anunciou em comunicado o ministro da Saúde, Zweli Mkhize.

“O Instituto Nacional de Doenças Transmissíveis confirmou que um caso suspeito de Covid-19 testou positivo”, refere o ministro, citado num comunicado divulgado nas redes sociais.
O paciente é um homem de 38 anos, oriundo da província do KwaZulu-Natal, litoral do país, indica a nota, que refere que a vítima viajou para a Itália, acompanhado pela mulher. O casal, que tem dois filhos, integrava um grupo de 10 pessoas que regressa-ram à África do Sul no dia 1 de Março.
“O paciente foi visto por um especialista de clínica geraal, no dia 3 de Março, com sintomas de febre, dores de cabeça, mal-estar, dor de garganta e tosse”, adianta a nota, acrescentando que “o ho-mem está em quarentena” desde então.
O Centro de Emergência Operacional (EOC) identificou as pessoas que estiveram em contacto com o paciente e com o médico de clínica geral, salienta a nota.
Neste sentido, acrescenta, as autoridades de Saúde sul-africanas destacaram uma equipa de especialistas clínicos e epidemiologistas para o KwaZulu-Natal.
O médico foi isolado e encontra-se em quarentena, indica o comunicado.
O surto de Covid-19, detectado em Dezembro, na China, e que pode causar infecções respiratórias como pneumonia, provocou cerca de 3.300 mortos e infectou mais de 95 mil pessoas em 79 países, incluindo oito em Portugal.
Das pessoas infectadas, mais de 50 mil recuperaram.
Além de 3.012 mortos na China, há registo de vítimas mortais no Irão, Itália, Coreia do Sul, Japão, França, Hong Kong, Taiwan, Austrália, Tailândia, Estados Unidos da América e Filipinas, San Marino, Iraque, Suíça e Espanha.
Um português tripulante de um navio de cruzeiros está hospitalizado no Japão com confirmação de infecção.
Em Portugal, a Direcção-Geral da Saúde (DGS) confirmou oito casos de infecção, dos quais seis no Porto, um em Coimbra e um em Lisboa.
A Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou o surto de Covid-19 como uma emergência de saúde pública internacional e aumentou o risco para “muito elevado”.

Fonte: JA/BA

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: