Polícia promete fazer cumprir medidas de biossegurança

0

O Comandante-Geral da Polícia Nacional, Paulo de Almeida, afirmou, nesta terça-feira, que a corporação será “implacável” contra os incumpridores e desrespeitadores das novas medidas de prevenção contra a Covid-19.

Segundo o responsável, a Polícia Nacional (PN) será firme na sua missão para assegurar que as orientações resultantes da actualização do Decreto Presidencial sobre as medidas de protecção contra a Covid-19, que entrou em vigor segunda-feira (10), sejam cumpridas.

Desta forma, pediu aos cidadãos e às instituições compreensão e o cumprimento escrupuloso das orientações, “porque o objectivo é tão somente salvar vidas humanas”.

Paulo de Almeida fez tais declarações no acto de outorga de 205 diplomas ao V grupo de licenciados em Ciências Policiais e Criminais do Instituto Osvaldo Serra Van-Dúnem.

Por outro lado, reconheceu que a PN precisa de melhorar a sua actuação, sobretudo no que toca à inter-relação com o cidadão e a sua análise policial.

“Precisamos de conhecer melhor os fenómenos que interferem no comportamento do homem para podermos agir com maior objectividade, operacionalidade e ciência”, admitiu o comissário-geral da Polícia Nacional.

Admitiu que o Instituto Superior de Ciências Policiais e Criminais, depois de 10 anos de funcionamento, necessita de alguns ajustes na organização e estrutura, sobretudo no seu foco profissional e no perfil de entrada.

Disse que a PN quer um instituto mais técnico, onde o perfil de admissão não seja apenas o concurso público dos alistados no serviço militar obrigatório, sublinhando ser altura de se ajustar à realidade concreta do país, sem se perder a essência da sua natureza como força de segurança pública.

Durante cinco anos, 209 cadetes receberam formação em mais de 50 disciplinas curriculares com uma carga horária lectiva de cinco mil 780 horas.´No decorrer da formação, faleceram dois formandos e igual número reprovou por falta de aproveitamento escolar.

Os finalistas estão dotados de conhecimento jurídico, técnica de investigação criminal e instrução processual, criminalística, intervenção e defesa policial, entre outros.

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: