Mãe acusada de matar filho de um ano

0

Uma cidadã de 26 anos de idade está a ser acusada de ter morto o filho de um ano, por espancamento, no interior da sua residência, localizada na comuna do Chindumbo, município do Balombo em Benguela, soube hoje a Angop de fonte policial.

Segundo uma nota do Comando Provincial da Polícia Nacional em Benguela, enviada à Angop, Graciana Ngueve, camponesa, encontra-se detida enquanto decorrem as investigações para se determinar as circunstâncias desse crime, que ocorreu na última semana.

De acordo com o informe, referente a semana finda, a província registou ainda três crimes de violação sexual, todos ocorridos no município de Benguela, cujas vítimas foram cidadãs de 14, 19 e 22 anos de idade, respectivamente, encontrando-se os alegados autores já detidos.

A nota informa ainda que dois meliantes não identificados, fazendo-se transportar num ciclo motor e munidos de uma arma de fogo do tipo AKM de cano cortado, coagiram o motorista de uma carrinha Mitsubishi Canter a parar, na localidade de Cavilombo, troço Cubal-Caimbambo, a quem roubaram dois milhões e trezentos mil kwanzas.

Acrescenta que na última semana a província de Benguela registou 68 crimes, menos oito do que em igual período anterior, sendo esclarecidos 49 e detidos 76 cidadãos.

Destacam-se 34 crimes contra propriedade, 14 contra ordem e tranquilidade pública, 12 contra pessoas e oito de cariz económico.

Os municípios de Benguela, com 39, Lobito, com 12, Baía Farta, com seis, e Ganda, com quatro, foram os que registaram mais delitos.

No capítulo da sinistralidade rodoviária, a nota avança que a província registou 12 no período em análise, que resultaram em um morto e 14 feridos. Foram registados quatro atropelamentos, quatro despistes, duas colisões entre veículos automóveis, um choque contra obstáculo fixo e uma colisão entre velocípedes.

Registou-se ainda 13 remoções de cadáveres, sendo sete por patologias diversas, quatro por afogamento, um por suicídio e outro por intoxicação alcoólica.

Angop

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: