Itália “fecha” Lombardia

0

O bloqueio das estradas é uma das medidas de emergência impostas pelo governo italiano, este fim-de-semana, depois de ter disparado no país o número de novas infeções e de mortes pelo coronavirus.

No norte de Itália, até ao dia 3 de abril, cerca de 16 milhões de pessoas vão ficar em quarentena e só podem sair da região com uma autorização especial.

Para além da chamada zona vermelha, que inclui a Lombardia, as medidas de emergência aplicam-se a outras 11 províncias de quatro regiões.

O chefe da Organização Mundial de Saúde elogiou a Itália por fazer “sacrifícios genuínos”.

Os líderes europeus tentam evitar o pânico mas lembram que a qualquer momento podem ser obrigados a avançar com medidas de contenção como aconteceu em Itália. Em França, o presidente Emmanuel Macron marcou uma reunião de emergência para reforçar a estratégia contra o coronavírus. O governo de Paris vai proibir eventos com mais de 1000 pessoas.

Os cruzeiros continuam a ser uma dor de cabeça para as autoridades. Há um novo navio em quarentena, desta vez no Egipto, com 45 casos de infeção confirmados. Este domingo, centenas de pessoas fizeram testes no Ministério da Saúde do Cairo.

Da China chega mais uma vez a indicação de que a propagação do coronavírus está a diminuir.

Fonte: Euronews/BA

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: