Irão anuncia novas medidas que violam acordo nuclear

0

A partir de amanhã [quarta-feira], começaremos a injetar gás [de urânio, Ed]na central Fordo”, afirmou Hassan Rohani, num discurso transmitido pela televisão estatal.

O Irão retomará assim as atividades de enriquecimento de urânio na sua fábrica de Fordo (cerca de 180 km ao sul de Teerão), congelada desde a entrada em vigor do acordo nuclear internacional alcançado em Viena em 2015.

Este é o quarto passo, desde maio, do plano de Teerão em reduzir os compromissos nucleares em resposta à retirada dos Estados Unidos, um ano antes, do acordo de Viena, disse Rohani.

Na segunda-feira, dia em que o Irão assinalou o 40.º aniversário da invasão da embaixada dos Estados Unidos em Teerão com protestos antiamericanos em muitas cidades do país, o dirigente do programa nuclear do Irão anunciou que o país começou a operar 60 centrifugadoras avançadas IR-6 para produzir urânio.

Ali Akbar Salehi disse ainda que o Irão produz a partir de agora cinco quilogramas de urânio enriquecido por dia, dez vezes mais do que há dois meses.

Segundo o responsável, o Irão opera atualmente o dobro das centrifugadoras avançadas relativamente ao que o país assumia ter.

Uma centrifugadora IR-6 consegue produzir urânio 10 vezes mais depressa do que a primeira geração desta tecnologia (as IR-1), as únicas permitidas pelo acordo do nuclear.

Ao utilizar estas centrifugadoras avançadas, o Irão reduziu ainda mais o prazo estimado pelos especialistas para Teerão construir uma arma nuclear, que era de um ano.

Fonte:NM/RM

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: