Governo alerta viajantes para vírus que já matou nove pessoas na China

0

“Aos viajantes, em especial aos que se desloquem à China e regiões limítrofes, recomenda-se que estejam devidamente informados sobre a evolução da situação e permaneçam atentos aos comunicados publicados nos portais da Direção-Geral da Saúde, do Centro Europeu de Prevenção e Controlo de Doenças e da Organização Mundial da Saúde”, avisa o Ministério dos Negócios Estrangeiros através do portal das comunidades portuguesas.
O Governo aconselha ainda os viajantes “a efetuar o registo das suas viagens na aplicação Registo Viajante” e os residentes a tratar da “sua inscrição consular ou respetiva atualização”.
A informação no portal indica que as autoridades de saúde chinesas e a Organização Mundial da Saúde confirmaram a existência de um surto de pneumonia, causada por um novo coronavírus.
O surto, adianta, “teve origem em dezembro de 2019 em Wuhan, na província de Hubei”, estando confirmados “centenas de casos em diferentes regiões da China (Wuhan, Guangdong, Pequim, Xangai) e situações importadas na Tailândia, no Japão e na Coreia do Sul”.
As autoridades de Macau também anunciaram hoje que foi identificado no território o primeiro caso do vírus, enquanto Hong Kong avançou ter detetado um caso suspeito, mas cuja confirmação só será definitiva na quinta-feira.
Embora o portal inclua avisos para outras doenças da região asiática, a secretaria de Estado das Comunidades lembra que, em geral, “as condições sanitárias fora das grandes cidades e outras zonas mais desenvolvidas são por vezes rudimentares”.
Por isso, os portugueses são aconselhados a não consumir refeições de rua e a não beber água da torneira.

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: