Facebook abre combate a conteúdos de pseudo-ciência que prometem curas milagrosas

0

A rede social de Mark Zuckerberg escreveu num post publicado ontem que está combater os posts com caráter falso sobre saúde que prometem curas e tratamentos milagrosos. Travis Yeh, gestor de produto, escreve que «para ajudar as pessoas a obter informação fidedigna sobre a saúde e o apoio de que precisam, é imperativo que minimizemos o conteúdo de saúde que é sensacionalista ou enganador».

O Facebook ajustou os algoritmos para que estes dois tipos de matérias sejam publicadas com baixa prioridade nos Feeds de Notícias dos Utilizadores (posts que prometem curas milagrosas ou com alegações falsas e posts que usam alegações relacionadas com a saúde para promover produtos e serviços, como comprimidos para emagrecer).

Estas curas milagrosas são, por vezes, inofensivas, mas há situações onde é recomendado ao utilizador que adote comportamentos perigosos para si e para os outros, como é o caso de um post que promete curar o autismo e que instrui os pais a forçar as crianças a beber dióxido de cloro que é, essencialmente, lixívia industrial, noticia o Futurism.

O Facebook está pressionado a encontrar uma solução para terminar com este tipo de conteúdos. Se o ajuste nos algoritmos não funcionar, é expectável que a empresa lance outras iniciativas, no sentido de minimizar o impacto destas publicações.

Fonte: EI/LD

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: