Detida cidadã acusada de assassinar vizinho na comuna da Chipipa

0

Um cidadã solteira de 39 anos de idade foi detida esta semana, na comuna da Chipipa, município do Huambo, depois de acusada do crime de assassinato, em plena via pública, de um dos seus vizinhos, identificado por Manuel Graciano, com o qual se desentendeu.
Segundo o relatório do Comando da Polícia Nacional sobre a situação da segurança pública na província do Huambo, entre 17 a 19, que a ANGOP teve hoje, segunda-feira, acesso, trata-se de um crime de ofensa corporal, por agressão física, com arma de arremesso (pedra).
Após uma briga, indica o documento, a suposta criminosa arremessou pedras sobre a vítima, causando-lhe ferimentos graves que o levaram à morte, horas depois, mesmo estando sob cuidados médicos e medicamentosos no Hospital Central do Huambo, onde tinha sido evacuado, dada a gravidade dos golpes.
De igual modo, um cidadão de 34 anos de idade foi detido, na vila municipal da Chicala Choloanga, depois de ter desferido, igualmente em plena via pública, golpes de catana, após desentendimento, a um outro de 32 anos, em tratamento ambulatório.
No bairro Teixeira da Silva, arredores da cidade do Huambo, a Polícia Nacional, em coordenação com o Serviço de Investigação Criminal (SIC), deteve dois cidadãos de 20 e 26 anos, respectivamente, por terem supostamente violado, também na via pública, uma cidadã de 23 anos de idade, nesta altura em tratamento numa das unidades hospitalares da região.
Neste período, segundo o relatório institucional, foram detidos um total de 37 cidadãos, por suposto envolvimento em 42 ilícitos criminais, quando na semana anterior, tinham sido cometidos 34 casos.

Fonte: Angop/AF

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: