Covid-19: Cuanza Norte na “rota pandémica”

0

A irresponsabilidade e desobediência civil de certos cidadãos nacionais e estrangeiros que insistem em desafiar a Lei propiciaram a proliferação da covid-19 para o Cuanza Norte, que se torna assim na segunda província com a doença, após Luanda, a capital do país.

Os violadores da cerca sanitária, para esta situação, são dois oeste africanos e um angolano, sendo que um dos três inspira cuidados especiais por ter outras doenças crónicas associadas, informou o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda.

Ao actualizar os dados epidemilógicos da pandemia no país, nas últimas 24 horas, o dirigente anunciou, esta terça-feira, nas Edições Novembro E.P, os primeiros três casos fora de Luanda, no Cuanza Norte.

“A propósito, uma equipa multidisciplinar foi ao Cuanza Norte para fazer o acompanhamento da gestão desses casos”, disse, prometendo investigar o vínculo epidemiológico (origem dos casos) dos cidadãos que habitam nesta província que dista a mais de 200 quilómetros de Luanda.

Há dias, a ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, admitiu haver pessoas a violarem o cordão sanitário de Luanda, advertindo que tal atitude podia contribuir para a propagação da doença às famílias dos prevaricadores e consequentemente pelo país.

Na altura, a governante negou que a violação sistemática tenha a ver com uma eventual fragilidade da guarda fronteiriça afecta as forças de Defesa e Segurança, sublinhando que neste período de isolamento social as pessoas violam as fronteiras conscientemente, mas fora da marcação.

“As pessoas estão a usar outros caminhos, recorrendo a canoas na orla marítima e outros caminhos. Têm que ter consciência que não devem sair, porque põem em risco a vida das suas famílias”, alertara.

Enquanto não se esclarecer o vínculo epidemiológico, para se definir se há ou não casos de transmissão comunitária, o país vai continuar com os 83 casos de transmissão local e 65 importados, com um total 148 casos, no cômputo geral, havendo, a meio, seis óbitos, 64 recuperados e 78 activos.  

Angop

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: