Covid-19: Angola adquire 380 toneladas de material de biossegurança

0

Angola vai receber, até à próxima semana, da Repùblica da China, 380 toneladas de material de biossegurança, adquiridos pelo Executivo, anunciou ontem a ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta.

As primeiras 70 toneladas chegaram ontem por volta das 14 horas, num voo da companhia Ethiopian Arlines, devendo parte do material chegar hoje. Segundo a ministra, estão programados três voos para transportar nos proxímos dias o resto do material adquirido da China.
Sílvia Lutucuta, que presenciou no Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro a recepção do equipamento, afirmou que esta é das maiores aquisições feitas pelo Executivo.Os equipamentos incluem ventiladores, máscaras cirúrgicas, e N 95, fatos, termómetros e infravermelhos. Fazem ainda parte da aquisição 50 mil testes da Covid-19, dois equipamentos para testagem RTPC-A, entre outros materiais. />Segundo a ministra, o material de biossegurança vai ser distribuídos a todas as unidades de referência de tratamento e diagnóstico da Covid-19 e às equipas rápidas de saúde pública que trabalham nas 18 províncias do país.Lembrou que o Governo angolano já fez outras aquisições da África do Sul, mas que ainda assim este é o maior volume de material de biossegurança para se atender ao país. Anunciou que hoje chegam ao país um voo com parte deste material, sendo que os restantes três voos, chegam ao país em dias que serão consertados pelo Ministério dos Transportes, através da TAAG.

Fonte: JA/BA

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: