Cidadão suicida-se por falta de emprego

0

De acordo com a rede social oficial do Ministério do Interior, um cidadão de 22 anos, suicidou-se sexta-feira última, 17 de Julho, no bairro Bungo, província do Uíge, alegadamente por não ter ocupação ou emprego.

O malogrado preferiu uma residência desabitada para materializar o seu intento, onde horas antes escreveu uma carta, recomendando aos pais a cuidarem dos seus filhos, “hoje em diante fiquem bem com os meus filhos, vou partir deste mundo”, lê-se na mensagem deixada.

Testemunhas no local afirmaram que tudo começou quando os progenitores do malogrado passavam alguns conselhos de vida, mas que no entender do jovem não deveriam, tendo optado por tirar a própria vida, ao invés de acatar os conselhos paternos.

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: