Aquecer o arroz pode deixá-lo doente, se não tiver este cuidado

0

Trouxe o arroz que sobrou do jantar para comer ao almoço? Leia este artigo antes de o comer.

Apesar de ser saboroso e parecer inofensivo, o Serviço Nacional de Saúde (NHS) do Reino Unido avisa que aquecer as sobras de arroz pode fazer-lhe mal.

Isto porque se arrisca a apanhar uma intoxicação alimentar. O problema não está no aquecer ou reaquecer do arroz, mas sim na forma como o arroz é armazenado depois da sua preparação e até ao momento em que o aquece.

Como reporta o Independent, o arroz cru contém esporos – células capazes de se reproduzir rapidamente – de Bacillus cereus, um tipo de bactéria que pode provocar intoxicação alimentar e que pode sobreviver mesmo depois de o arroz ser cozido.

Se arroz for deixado à temperatura ambiente depois de preparado, os esporos podem evoluir para bactérias que se vão multiplicando e produzindo toxinas que pode, provocar vómitos e diarreias – sintomas nada agradáveis.

Claro que precisará de deixar o arroz algum tempo a arrefecer depois de cozido, mas assim que fique menos quente – cerca de uma hora – deve colocá-lo no frigorífico, para evitar o risco de contaminação.

Quanto mais tempo o arroz preparado estiver à temperatura ambiente, maior será a probabilidade de as bactérias tornarem este acompanhamento algo perigoso para si.

Os especialistas destacam ainda que o arroz não deve ficar mais do que um dia no frigorífico, deve ser aquecido apenas uma vez e deve aquecê-lo até fumegar, de forma a se certificar de que está bem quente e de que a maioria das bactérias morre

Lifestyle/BA

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: