Apesar da quarentena, decidiram casar. Acabaram detidos pela polícia

0

Contavam ir de lua de mel, mas aquilo que ganharam foi uma viagem até ao posto da polícia.

Numa altura em que, um pouco por todo o mundo, estão proibidos aglomerados ou ajuntamentos de pessoas, um casal da África do Sul decidiu manter a data do dia do seu casamento.

Contudo, Jabulani Zulu, de 48 anos, e a noiva Nomthandazo Mkhize’s, de 38 anos, viram o seu casamento na região de KwaZulu-Natal ser invadido por agentes da polícia.

A cerimónia contava com cerca de 50 convidados e a eles se juntaram vários membros da Força de Defesa Nacional que puseram termo à cerimónia.

Desde o dia 23 de março que todos os sul africanos, à excepção dos que exercem trabalhos em serviços essenciais, estão obrigados a permanecer em casa durante 21 dias.

Fonte: N.M/JS

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: