Angola tem mais de 15 milhões de assinantes de telefonia móvel

0

Angola tem cerca de 15 milhões de assinantes de telefonia móvel, sete milhões de utilizadores de Internet e mais de dois milhões de subscritores de televisão por assinatura, de acordo com o Ministério das Telecomunicações Tecnologias de Informação e Comunicação Social.

Numa mensagem em celebração ao 51º aniversário da proclamação do Dia Internacional das Telecomunicações e da Sociedade da Informação, que hoje se assinala, o Ministério de Tutela indica que os dados são fruto do cumprimento dos objectivos e metas definidos no Plano de Desenvolvimento Nacional 2018-2022 e que há acções viradas para a melhoria contínua da prestação dos serviços públicos e básicos de telefonia, no acesso à Internet e nos serviços associados, primando sempre pela qualidade e respondendo às necessidades dos utilizadores.

O Ministério das Telecomunicações Tecnologias de Informação e Comunicação Social lembra, ainda, que a data é celebrada num momento em que o mundo enfrenta a pandemia da Covid-19, obrigando a “humanidade a adaptar-se a um novo paradigma de convívio social e profissional, usando, com maior incidência, as ferramentas e serviços proporcionados pelas telecomunicações e tecnologias de informação”.

Na mensagem, os profissionais das Telecomunicações e Tecnologias de Informação são exortados a continuar a trabalhar com brio e dedicação. Aos utilizadores das comunicações electrónicas, o apelo é para o uso responsável dos serviços digitais e das redes sociais. Ao mesmo tempo, o Ministério felicita os órgãos das Telecomunicações e da Sociedade da Informação, públicos e privados, em especial aos envolvidos no asseguramento dos serviços das comunicações electrónicas e no reforço da prevenção e combate à Covid–19, com suporte nos meios tecnológicos disponíveis.

Na mensagem, o Ministério lembra ainda que o Executivo, consciente do papel das Telecomunicações e Tecnologias de Informação no contexto social e da economia nacional e reconhecendo o sector como alavanca fundamental no processo de desenvolvimento social e económico, na luta contra a pobreza e na prossecução dos objectivos do Milénio, definiu-o como fundamental no processo de modernização da governação, do desenvolvimento social e económico e de inclusão social.

A data marca a fundação, a 17 de Maio de 1865, da União Internacional das Telecomunicações (UIT), agência das Nações Unidas especializada para as Telecomunicações e Tecnologias de Informação. Em representação de mais de 700 entidades do sector privado e académico mundial de 193 países, a UIT tem como missão padronizar e regular as ondas de rádio e telecomunicações internacionais. Para este ano, a União Internacional das Telecomunicações definiu como lema “Connect 2030: TICs para os Objectivos do Desenvolvimento Sustentável”.

JA

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: