Angola perde nas olimpíadas em jornadas de percalços

0

A selecção nacional de xadrez perdeu pela primeira vez nas Olimpiadas Mundiais, que decorrem em sistema online, em tripla jornada, disputada nesta sexta-feira, cheia de percalços devido a oscilação do sinal da internet.

 Na primeira ronda do dia, em que Angola defrontou e perdeu com a Escócia, por 2,5 – 3,5, a Candidata a Mestre Gemima Paulo, da Academia Ditrov, baqueou no sexto tabuleiro por falhas de conexão, proporcionando um ponto ao adversário, por falta de comparência.

Na ronda seguinte, a segunda desta terceira fase da competição (grupo – B), a conexão dificultou igualmente o jogo do Candidato a Mestre Lutuima Amaro.

O atleta da Escola Macovi tinha o jogo ganho, mas na ponta final o sinal da internet baixou por mais de um minuto e quando se repôs já o tempo da partida tinha terminado.

Na sequência, Angola acabou por perder por 1-5 diante do IPCA (selecção de atletas de vários países do mundo com Síndrome de Down e deficientes visuais).

Seguiu-se o confronto com Portugal com quem o combinado nacional foi derrotado por 1,5 – 4,5.

Teoricamente tratou-se dos adversários mais difíceis da série, tendo em conta a respectiva força de jogo (Elo).

Sábado, a selecção nacional defronta o Botswana para a quarta jornada (11h00), seguindo-se os confrontos com a Chinese Taipei (12h00/5ª) e com a Sri Lanka (13h00/6ª).

Na três rondas de hoje  alinhou a selecção principal, composta por João Júlio (capitão), Sérgio Miguel (Mestre Fide da Escola Sacri do Cazenga), David Silva (MI – Escola de Mestre João Francisco), Esperança Caxita (MI – 1.º de Agosto), Ednásia Júnior (MI – Escola Macovi), Lutuima Amaro (Candidato a Mestre – Escola Macovi) e Jemima Paulo (Candidata a Mestre – Academia Ditrov).

Suplentes: Irineia Gabriel (capitã), Manuel Alberto (Mestre Fide – Escola João Júlio), Vanderson Dias (Especialista Nacional – Progresso Sambizanga), Delfina João (Candidata a Mestre – Progresso Sambizanga), Luzia Pires (MI – 1.º de Agosto), Domingos Júnior (Mestre Fide – Escola Macovi) e Renelsa António (Candidata a Mestre – Escola Rene Castilho do Cunene).

Fonte: Angop

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: