Aeroporto de Frankfurt a postos para as vacinas anticovid

0

O aeroporto de Frankfurt, na Alemanha, vai ter papel de destaque numa das fases mais importantes do combate à epidemia de Covid-19: o transportes das vacinas.

Quarto da Europa com maior movimento de passageiros, o Fraport, como também é conhecido, é, por outro lado, o principal aeroporto europeu no transporte farmacêutico. Será por ele que vão passar milhões de vacinas anticovid para serem distribuídas pela União Europeia.

A diretora de operações de carga da Lufthansa explica-nos que “os preparativos estão cada vez mais sob pressão à medida que nos aproximamos da fase crítica”.

As preocupações neste setor das cargas passam por tentar antecipar todos os imprevistos, os riscos envolvidos no manuseamento das vacinas e tentar perceber as quantidades a serem transportadas.

Karin Krestan afirma que “os protocolos já em vigor garantem toda a segurança” do processo.

O Fraport tem vindo a ser preparado há meses e o responsável pelas infraestruturas de carga do aeroporto considera que o pessoal já domina os protocolos e está a postos.

Pelo que tem sido explicado pelas autoridades de saúde, Max Philipp Corady antecipa a “necessidade de um processo repetido de vacinação”.

“Isso irá obrigar a realizar o transporte de vários lotes de vacina em diferentes datas, por exemplo, com intervalos anuais ou a cada dois anos”, perspetiva Corady.

Um dos problemas a resolver será o transportes a temperaturas muito baixas, como poderá acontecer com a vacina proposta pela Pfizer e a BioNTech, que tem de estar a 70 graus centígrados negativos.

O Fraport investiu recentemente na aquisição de 20 veículos refrigerados de alta tecnologia e garante estar pronto para fazer o transporte em grande número mesmo destas vacinas mais sensíveis.

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: