Triunfo da selecção e empate do 1º de Agosto em destaque na semana

0

A vitória domingo da selecção nacional de futebol honras diante das Ilhas Maurícias, por 1-0, na primeira jornada (grupo A) da Taça Cosafa, que decorre na África do Sul, e o empate do 1º de Agosto diante do Recreativo da Caála do Huambo no Girabola2017 marcaram a semana desportiva.

O único golo do encontro na competição da região austral do continente africano (Cosafa) foi rubricado por Manguxi aos 4 minutos.
O combinado nacional volta a jogar terça -feira diante da Tanzânia que venceu nesta jornada o Malawi, por 2-0.

O 1º de Agosto consentiu empate nulo diante do Recreativo da Caála, em jogo referente à 17ª jornada do campeonato nacional de futebol da primeira divisão (GirabolaZap2017).

A jornada amputada devido a ausência das equipas com mais de três jogadores na selecção nacional que joga a Cosafa (a excepção do 1º de Agosto que decidiu não obedecer ao interregno orientado pela FAF), registou ainda outro empate sem golos entre o Sagrada Esperança da Lunda Norte e o Progresso da Lunda Sul.

A Académica do Lobito empatou a um golo diante do JGM do Huambo, enquanto na cidade do Lubango o Desportivo da Huíla recebeu e surpreendeu o Kabuscorp do Palanca com vitória de 1-0.

A presente jornada fica completa quando jogarem 1º de Maio de Benguela-Progresso do Sambizanga, Petro de Luanda – Recreativo do Libolo e Santa Rita de Cássia – Interclube.

A semana finda foi ainda marcada com a qualificação à final da Taça de Angola da equipa sénior feminina de andebol do Petro de Luanda, após duplo triunfo frente ao Electro do Lobito, respectivamente, por 33-10 e 29 -14.

Do basquetebol feminino, o Interclube conquistou a taça de Angola ao derrotar na final o 1º de Agosto.

Sábado e domingo disputou-se o 18º campeonato nacional adaptado de atletismo em pista, no estádio dos Coqueiros, em Luanda. A província do Huambo, em masculinos, conquistou pela segunda vez a medalha de ouro, depois da mesma proeza obtida em 2016.

A província do Huambo conquistou a competição em masculinos com 28 medalhas (16 de ouro, 09 de prata e 03 de bronze), tal como em 2016 em que também venceu a prova com um total de 27 medalhas (12 – ouro, 08 – prata e 07 – bronze).

A segunda posição coube a Malanje com (06 – ouro, 02 prata e 01 – bronze), enquanto Bié ocupou o terceiro e último lugar do pódio com (04 – ouro, 07 – prata e 07 – bronze).

Huambo também conquistou a medalha de ouro no sector feminino com 09 medalhas sendo (04 de ouro, 03 de prata e 02 de bronze). Luanda com (03 – ouro) e Benguela com (02 – ouro, 04 – prata e 01 – bronze) ocuparam, respectivamente, a segunda e terceira posição.

TPA com Angop / EB

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: