Transplante de fluidos pode tratar infeções vaginais

0

Um estudo recente, publicado na revista científica Nature Medicine, afirma a possibilidade de o transplante de fluídos vaginais saudáveis em mulheres com infeções bacterianas – como a vaginose bacteriana -, possa vir a ser uma solução para o problema. 

A vaginose bacteriana é a infeção vaginal mais comum em mulheres com idade fértil e, ainda que inicialmente não seja considerada um problema ginecológico grave, a presença da infeção pode aumentar o risco de contrair doenças sexualmente transmissíveis, complicações na gravidez e problemas de auto-estima, uma vez que produz um cheiro intenso.
Citados pelo The Guardian, os investigadores explicaram que o transplante de micróbios saudáveis pode ser uma terapêutica alternativa destinada a mulheres que sofrem de vaginose bacteriana crónica, incurável e recorrente. 

O estudo tem em conta cinco mulheres com idades compreendidas entre os 27 e os 47 anos, todas com vaginose bacteriana recorrente, tendo sido sujeitas a múltiplos tratamentos com antibióticos, mas sem sucesso. Após monitorizadas, as amostras de três dadoras são transplantadas. De acordo com o estudo, os resultados iniciais apontam para quatro amostras que indicam resultados positivos a longo prazo.

Share.

Sobre o autor

Avatar

Deixar uma resposta