Putin assinou lei para criar internet russa independente

0

O Presidente da República, João Lourenço, deixou na manhã desta sexta-feira Luanda, com destino à província do Namibe, onde vai inteirar-se sobre o andamento de distintos projctos, seguindo depois para o Cunene, região bastante afectada pela problemática da seca.

Na Base Aérea de Luanda, o Chefe de Estado, acompanhado pela primeira-dama, Ana Dias Lourenço, recebeu cumprimentos de despedidas do ministro de Estado e Chefe da Casa Civil, Frederico Cardoso, do governador de Luanda, Luther Rescova, auxiliares do Poder Executivo e altos funcionários do seu gabinete.

Segundo uma nota da Casa Civil do Presidente da República, no Namibe, que incluirá os períodos da manhã e tarde de hoje, o Chefe de Estado vai, entre outras actividades, visitar o hospital provincial Ngola Kimbanda, recentemente reabilitado e apetrechado.

No final do dia de sexta-feira, já na cidade de Ondjiva (Cunene), o Presidente João Lourenço tomará contacto com diversas matérias ligadas à problemática da seca na província, nomeadamente os projectos de construção de barragens, canais e condutas de água.

No sábado, último dia da visita de trabalho, o Chefe de Estado desloca-se ao município de Ombadja para constatar os problemas derivados da escassez de água e seca persistente na região.

Desde Outubro de 2018, o Cunene regista uma acentuada crise de água e pasto, com 79,1 por cento da população total (estimada em um milhão e 157 mil e 491 habitantes) comprometida.

Os últimos dados do Governo Provincial apontam para a existência de 299 mil e 623 pessoas a sofrerem de fome e sede só na localidade de Cahama (a mais visada).

Segundo a mais recente actualização, já morreram 19 mil e 539 animais, incluindo caprinos e bovinos, entre Outubro de 2018 à presente data (uma média de dois mil e 442 / mês).

Com uma extensão territorial de 75 mil 955, 61 metros quadrados, Cunene localiza-se a sul de Angola, e comporta seis municípios, vinte comunas, 51 bairros urbanos e 765 aldeias rurais. A mesma conta com um milhão, 157 mil e 491 habitantes.

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: