Petro vence e “espreita” final da Taça de Angola

0

Petro vence e “espreita” final da Taça de Angola

Com golos de Tiago Azulão e Job, o Petro de Luanda deu um passo rumo à final da Taça de Angola em futebol, ao derrotar o FC Bravos do Maquis por 2-0, em jogo disputado no estádio 11 de Novembro.

Depois de perder no último final de semana, para o Girabola, por 0-1 diante do Sagrada Esperança da Lunda Norte, hoje os tricolores tinham a obrigação de vencer para dar confiança aos seus adeptos.
Aos 18 minutos, de cabeça, Tiago Azulão abriu o activo, com passe de Diógenes, batendo facilmente o guarda-redes Dadão, da formação maquisarde.

Após sofrer o golo, o Bravos do Maquis efectuou a primeira alteração na defesa, colocando Djo para o lugar de Miro.

Zeca Amaral, treinador maquisarde, insatisfeito voltou a alterar o seu xadrez ao apostar no ataque, tirando Alexander e colocar Chole, mas em nada resultou, uma vez o resultado não mais se alterou nos primeiros 45 minutos.
Com baixa produtividade ao longo da primeira parte, o brasileiro Tony ficou nos balneários e viu o seu lugar ocupado por Job.

No primeiro quarto de hora da etapa complementar, o Petro beneficiou de inúmeras oportunidades para ampliar o marcador, mas a falta de sintonia entre os seus avançados se fez sentir.

Bem mais ousados e com um futebol atractivo, a equipa do Moxico remeteu o adversário à defesa.

Quando faltavam dois minutos para final do tempo regulamentar, o Petro pressionou e fez o 2-0 com tento de Job, depois de passar com alguma facilidade pela defesa maquisarde.

Com este triunfo os petrolíferos vão mais tranquilos para o jogo da segunda mão, agendado para 1 de Novembro, no Luena.

Fonte: Angop / EB

Share.

Sobre o autor

Eliseu Augusto Botelho é jornalista da Televisão Pública de Angola desde Dezembro e 1999. Foi editor do 1º Jornal e do Jornal Nacional, ambos na TPA2 e Coordenador do Jornal da Tarde e co-coordenador do Telejornal, ambos na TPA1. Já foi chefe de redacção do Centro de Produção da TPA em Caxito-Bengo. Actualmente exerce a função de jornalista na Direcção de Multimédia da TPA, cuja tarefa é gerir os conteúdos publicados nas várias páginas do facebook da estação e no seu site oficial. Tem o curso médio de Jornalismo do IMEL e várias formações em Angola e Portugal com professroes, Angolanos, Brasileiros e Portugueses. É licenciado em Relações Internacionais, pelo Instituto Superior de Relações Internacionais, afecto ao Ministério das Relações Exteriores da República de Angola.

Deixar uma resposta