Paulo Flores considerado o cantor da actualidade

0

Continuar a partilhar as suas experiências e vivências, observar e retratar a dinâmica das sociedades, revelou, o cantor ao Jornal de Angola, tem sido a sua principal motivação, razão pela qual surgiu a ideia de atribuir nome ao disco “Kandongueiro Voador”.
O disco, disse Paulo Flores, não é nada mais do que o retrato do quotidiano dos angolanos, cantado quase sempre numa linguagem simples.  “Kandongueiro Voador” reflecte a dinâmica dos acontecimentos como canta Paulo Flores no tema homónimo: “Entrei, não pedi licença, não vacilei, era tudo estiga já comprava briga, fome na barriga trinta pães na amiga, no beco era outra batida…”
Paulo Flores está a programar no primeiro trimestre do próximo ano o lançamento do disco em Portugal, e no segundo trimestre, a realização de um concerto de apresentação do álbum “Kandongueiro Voador”, no mesmo país. Paulo Flores disse ter reaberto recentemente o seu restaurante em Lisboa, na avenida Dom Carlos, agora com uma outra denominação “Mestizo”, onde, o objectivo é continuar a unir a poesia, a música e as refeições gourmet.
O disco tem como matriz principal o semba e a kizomba, vai ainda ser apresentado em Benguela e Huíla. Paulo Flores disse, que vai participar no Festival Mimo, no Brasil, no dia 12 na cidade do Rio e 17 na cidade de Olinda.
O disco tem 12 temas que compõem o repertório, sendo 11 inéditos, onde diferentes géneros contemporâneos dão vida aos ritmos afro house e fusões do kuduro com outros géneros.
O disco foi, também, apresentado, domingo, na Casa da Juventude em Viana, e no Belas Shopping, em Talatona. O cantor brindou os seus fãs com o álbum “Bolo de Aniversário” o ano passado, que foi considerado o melhor do ano no certame Angola Music Awards.
Vencedor do Top dos Mais Queridos de 2010, Paulo Flores é um dos mais apreciados cantores de Angola e um dos nomes incontornáveis da cultura angolana. Compositor e intérprete, e uma das principais referências da música de Angola, com reconhecimento mundial e defensor incansável do semba.

Melhor compositor

Os fãs de Paulo Flores consideram o cantor como o melhor compositor da actualidade, entre os artistas emergentes das ultimas décadas.  As afirmações foram feitas, no sábado, durante o lançamento da mais recente obra discográfica  do cantor,  “Kandongueiro voador”, que decorreu no Parque da Independência. João Paulo afirmou que Paulo Flores, tal como outros cantores da sua época, contribuíram para a afirmação do estilo musical angolano, neste caso a música e dança kizomba, cuja adesão é notória na camada jovem e, mais tarde conquistou a simpatia dos adultos.
Joana Rodrigues considerou o autor de “Xé Povo”, como um dos poucos cantores que não mudou a sua forma de interpretar a música angolana, “não recorreu a estilos estrangeiros para manter a sua carreira no auge, e que continua a compor temas que narra a maior parte das situações sociais em que vivem os angolanos”.
Mateus Jorge começou a ouvir Paulo Flores por influência do  pai, mas, posteriormente tomou a decisão de se manter um bom apreciador de Paulo Flores.
Madalena Kapemba apontou o cantor como o melhor compositor das ultimas décadas , pelo facto de o mesmo, embora o país tenha registado várias mudanças sociais, política e económicas, incluindo o surgimento de novas tendências musicais, “Paulo Flores continua no top”.

 

Fonte: JA/BA

Share.

Sobre o autor

Deixar uma resposta