País conta com mais de 300 fisioterapeutas

0

O país conta com perto de 350 fisioterapeutas em várias áreas de actuação nos serviços de saúde, informou hoje, sexta-feira, em Luanda, a vice-presidente da Associação Nacional da classe, Vitória Semedo Fortunato.

Segundo a responsável, que falava durante a II assembleia-geral da Associação Nacional dos Fisioterapeutas (Anfa), cujo objectivo é de abarcar todos os profissionais do ramo para apresentação dos serviços prestados,  o número de fisioterapeutas ainda é insatisfatório para a grande demanda.

A responsável defendeu a necessidade de se expandir mais os serviços de fisioterapia a nível de todas as unidades hospitalares, tanto na cidade capital como demais províncias, de forma a melhorar a prestação dos serviços de saúde dos cidadãos.

“É importante que o fisioterapia chegue a todos os hospitais para assim  contribuir com sucesso na reabilitação e reinserção do indivíduo com deficiência”, acrescentou.

Considerou a fisioterapia como uma das especialidades da área de saúde de muita importância,  porque ajuda a pessoa doente a se reabilitar fisicamente.

Definiu a fisioterapia como a ciência que estuda a arte dos cuidados físicos e de reabilitação com sentimentos, no sentido restrito, da saúde do indivíduo.

Fez saber que a associação tem trabalhado afincadamente para primeiramente legalizar os fisioterapeutas no geral, e posteriormente saber as condições de cada técnico nas unidades de saúde, seus benefícios e aproveitamento, garantindo que a associação permite a formação contínua e o aprimoramento dos profissionais de fisioterapia, de modo a colaborar com os órgãos de estado na melhoria da prestação de serviços.

Disse que a falta de reconhecimento dos fisioterapeutas é uma das maiores preocupações da associação, porém  encorajou-os a continuarem engajados em promover a união da classe, com vista a enaltecer a importância da especialidade como ciência e profissão.

Fonte: ANGOP/BA

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: