O que é a próstata e as 3 doenças mais perigosas que afetam o órgão

0

O estudo também revelou que, em torno da glândula masculina, há uma série de mitos e equívocos que, segundo especialistas, podem afetar a saúde dos homens. “Esses resultados são preocupantes”, disse o urologista Hein Van Poppel, vice-secretário-geral da EAU, em declarações à BBC.

“Especialmente porque a pesquisa foi direcionada a homens numa idade na qual têm uma maior probabilidade de sofrer de doenças relacionadas à próstata, como cancro ou aumento da glândula.”

Entenda a seguir o que é a próstata, para que serve e por que é importante estar atento a modificações no órgão a partir dos 40 anos.

  1. O que é a próstata?

A próstata é uma glândula do tamanho de uma bola de pingue-pongue, localizada dentro da virilha, entre a base do pénis e o reto.

  1. Qual é a sua função?

A sua principal função é fornecer o líquido prostático ou seminal que se mistura com o esperma nos testículos, para que os espermatozoides possam sobreviver e serem expulsos durante a ejaculação.

  1. Quais condições mais comuns e perigosas que podem afetar a próstata?
    Segundo a ONG Prostate Cancer Foundation, estas são algumas das condições que podem afetar a glândula:

Hiperplasia: é um aumento benigno da próstata fruto de um crescimento excessivo do seu tecido, o que pressiona a uretra e a bexiga, bloqueando o fluxo de urina. O risco de hiperplasia aumenta após os 40 anos.

Prostatite: trata-se de uma inflamação dolorosa da próstata que pode ser causada por uma infeção bacteriana.

Cancro da próstata: desenvolve-se quando ocorre crescimento e reprodução anormal de células da glândula. Uma vez que se desenvolve, alimenta-se de hormonas masculinas presentes na próstata. Portanto, o tratamento, especialmente em estágios avançados, baseia-se na redução dos níveis hormonais masculinos.

  1. Quais são os sintomas que indicam um problema?
    Não se sabe exatamente a que se deve o crescimento da próstata, mas os médicos acreditam que esteja relacionado a alterações hormonais ligadas sobretudo à idade. A EAU aponta alguns dos sintomas relacionados à hiperplasia:
  • Fluxo fraco ou intermitente ao urinar;
  • Sensação de não saber se a bexiga está vazia;
  • Súbita vontade de urinar urgentemente;
  • Acordar várias vezes à noite para urinar.
    Segundo a pesquisa da EAU, cerca de 50% dos homens entre 50 e 60 anos de idade não reconhecem esses sintomas. Muitas vezes, são desconfortos leves, mas, ao tornarem-se moderados ou graves, podem indicar condições mais graves.
    De acordo com a EAU, existem vários tratamentos para o aumento da próstata, como cirurgia na uretra ou no abdómen inferior, terapia com laser ou vapor de água ou uma mudança na dieta.
Share.

Deixar uma resposta