Não lhe serviram mais champanhe e zangou-se até ser expulsa do voo

0

As autoridades alemãs indicam que um voo oriundo de Moscovo com destino a Zurique foi obrigado a fazer uma paragem no aeroporto de Estugarda, no sábado, por causa de uma passageira que se tornou violenta quando lhe foi recusado champanhe.

De acordo com a Fox News, a polícia de Reutlingen explicou que a tripulação não conseguiu acalmar a passageira de 44 anos, de nacionalidade suíça, que viajava em primeira classe. A mulher ficou zangada porque a tripulação se recusou a servir mais champanhe.

A passageira, que não foi identificada, foi escoltada para fora do Airbus A320 e recebeu uma multa de 5 mil euros.

Os restantes 43 passageiros a bordo não correram qualquer tipo de perigo por causa do comportamento da mulher, mas os custos da paragem não planeada terão atingido os milhares de euros.

Fonte: NM/BA

Share.

Sobre o autor

Deixar uma resposta