MPLA realiza congresso extraordinário a 15 de Junho

0

O VII Congresso Extraordinário do MPLA realiza-se a 15 de Junho do corrente ano, que deverá definir o alargamento do comité central e dos órgãos intermédios.

A decisão vem expressa no comunicado final da VII sessão ordinária do Comité Central, realizada esta sexta-feira, em Luanda, sob orientação do Presidente do partido, João Lourenço.

O Comité Central aprovou a metodologia geral de preparação e realização do seu VII Congresso Extraordinário e a Resolução sobre o alargamento do Comité Central e dos órgãos intermédios.

Aprovou, igualmente, o Código de Ética Partidária, instrumento que estabelece os princípios e as normas de conduta do militante do MPLA, no partido e na sociedade, e recomendou a sua ampla divulgação e efectiva aplicação.

O comunicado final, lido pelo secretário para Informação do partido, Paulo Pombolo, ressalta o apoio dos militantes às acções de moralização da sociedade lideradas pelo Presidente João Lourenço, e encorajou o Executivo e a sociedade civil a continuarem a realizar uma ampla campanha de resgate dos valores morais e cívicos.

O encontro encorajou o Presidente do MPLA a continuar com a mesma determinação na cruzada contra a corrupção, a impunidade, a bajulação e o nepotismo.

O comité central debruçou-se profundamente sobre o sector de energia e águas e recomendou ao Executivo para prestar especial atenção na execução dos programas conducentes à produção e à melhoria do fornecimento de energia eléctrica e ao abastecimento de água potável às populações.

Por outro lado, o MPLA condenou os actos de violência, com realce para a violência doméstica, tendo instado os angolanos para a promoção da cultura da paz e da tolerância nas famílias e na sociedade.

O Comité Central saudou, também, o 23 de Março- Dia da Libertação da África Austral, pela primeira vez comemorado desde a sua institucionalização pela Cimeira da SADC, como um justo reconhecimento do contributo do povo angolano à libertação da região.

Manifestou, de igual modo, profundo sentimento de consternação às famílias angolanas vítimas da seca e das chuvas, bem como pela perda de vidas humanas, destruição e deslocação de pessoas provocadas pelas inundações causadas pelo ciclone Idai em Moçambique, Malawi e Zimbabwe.

Aproximando-se a celebração do 04 de Abril – Dia da Paz e Reconciliação Nacional, o MPLA exorta o povo angolano a participar activamente nas actividades em alusão à efeméride e apela à consolidação da paz, ao reforço da unidade nacional, da reconciliação, da democracia e da tolerância, visando a construção de uma sociedade mais justa, solidária e inclusiva.

O Comité Central felicitou a selecção angolana de futebol sénior masculino “Palancas Negras”, pela qualificação à fase final da 32ª Edição do Campeonato Africano das Nações, a decorrer entre 21 de Junho e 19 de Julho deste ano, no Egipto.

Fonte: Angop/LD

Share.

Sobre o autor

Avatar

Eliseu Augusto Botelho é jornalista da Televisão Pública de Angola desde Dezembro e 1999. Foi editor do 1º Jornal e do Jornal Nacional, ambos na TPA2 e Coordenador do Jornal da Tarde e co-coordenador do Telejornal, ambos na TPA1. Já foi chefe de redacção do Centro de Produção da TPA em Caxito-Bengo. Actualmente exerce a função de jornalista na Direcção de Multimédia da TPA, cuja tarefa é gerir os conteúdos publicados nas várias páginas do facebook da estação e no seu site oficial. Tem o curso médio de Jornalismo do IMEL e várias formações em Angola e Portugal com professroes, Angolanos, Brasileiros e Portugueses. É licenciado em Relações Internacionais, pelo Instituto Superior de Relações Internacionais, afecto ao Ministério das Relações Exteriores da República de Angola.

Deixar uma resposta