Maternidade Lucrécia Paim regista seis mortes

0

A maternidade Lucrécia Paim registou no último fim-de-semana seis óbitos de parturientes, cujas causas devem-se à complicações graves de hipertensão arterial e de HIV/SIDA.

O dado foi avançado, nesta segunda-feira, em Luanda, pela directora da Maternidade, Adelaide de Carvalho, durante a visita efectuada por uma delegação do Ministério da Família e Promoção da Mulher (Minfamu) no âmbito das jornadas “Março-Mulher” e do comitê de auditoria das mortes maternas.

A responsável informou que as mortes maternas são multifactoriais e que das seis ocorrências três eram doentes muito graves com HIV SIDA com sintomatologia e complicações, tendo permanecido em cuidados intensivos, e os casos de hipertensão grave que desenvolveram complicações com convulsões.

Segundo Adelaide de Carvalho, a unidade sanitária conta com um total de 158 médicos entre nacionais e estrangeiros, registando uma carência de médicos anestesistas.

Em serviços de urgência, explicou, diariamente são atendidas uma média de 200 doentes, sendo encaminhados entre 50 e 60 mulheres para sala de parto.

Fonte: ANGOP/BA

 

 

 

 

 

 

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: