Invasão de campo quase periga festejos do 1º de Agosto

0

Eufóricos com a conquista do Girabola2018/19, os adeptos do 1º de Agosto invadiram o relvado do estádio 11 de Novembro, na tarde de domingo, depois do apito final, situação que meteu em risco a integridade física dos atletas, dirigentes e outras entidades convidadas.

Confirmada que estava a vitória de 1-0 sobre o Kabuscorp do Palanca, que dava o quarto título consecutivo, o 13º do historial dos “militares”, os aficcionados entraram para o rectângulo do jogo e só foram retirados devido à pronta intervenção das forças da ordem, que tiveram de usar gás lacrimogéneo para os dispersar.

Os jogadores foram obrigados a se acolher nos balneários por alguns minutos, até que a situação voltasse ao normal, para devida cerimónia de premiação.

Reposta a ordem, a festa prosseguiu, com os poucos adeptos ainda presentes nas bancadas a verem o troféu a ser erguido pelo capitão Dany Massunguna e depois pelo treinador Dragan Jovic.

Os “agostinos” terminaram a prova invictos, com 67 pontos.

Fonte: Angop/LD

Share.

Sobre o autor

Avatar

Eliseu Augusto Botelho é jornalista da Televisão Pública de Angola desde Dezembro e 1999. Foi editor do 1º Jornal e do Jornal Nacional, ambos na TPA2 e Coordenador do Jornal da Tarde e co-coordenador do Telejornal, ambos na TPA1. Já foi chefe de redacção do Centro de Produção da TPA em Caxito-Bengo. Actualmente exerce a função de jornalista na Direcção de Multimédia da TPA, cuja tarefa é gerir os conteúdos publicados nas várias páginas do facebook da estação e no seu site oficial. Tem o curso médio de Jornalismo do IMEL e várias formações em Angola e Portugal com professroes, Angolanos, Brasileiros e Portugueses. É licenciado em Relações Internacionais, pelo Instituto Superior de Relações Internacionais, afecto ao Ministério das Relações Exteriores da República de Angola.

Deixar uma resposta