Honda deixará de fabricar carros na Argentina em 2020

0

A montadora japonesa Honda anunciou que deixará de montar carros na Argentina a partir de 2020 e se concentrará na produção de motocicletas.

A empresa “decidiu parar de fabricar (o modelo) HR-V na Honda Motor da Argentina a partir de 2020”, disse o comunicado.

A Honda tem uma fábrica na cidade de Campana, província de Buenos Aires, onde 1.050 funcionários trabalham.

A montagem do SUV HR-V corresponde a 40% da produção da planta.

A partir do próximo ano, a fábrica focará na fabricação de motocicletas, um mercado que lidera esta empresa depois de ter investido 15 milhões de dólares em dois anos.

Depois de avaliar “sua operação global de produção de carros”, a empresa japonesa disse que também continuará com a comercialização de carros, com o serviço de pós-vendas e peças de reposição.

A empresa, que negou que a desistência da produção de carros está relacionada à situação econômica local, fechou há três anos uma outra fábrica que possuía no município de Florencia Varela, no distrito de Buenos Aires.

O anúncio da empresa acontece dois dias após as eleições primárias realizadas no domingo, em que a aliança de oposição kirchnerista “Frente de Todos” triunfou com 47,6% dos votos contra a chapa do atual presidente Macri “Juntos por el Cambio”, que venceu 32% dos votos.

A Bolsa de Valores de Buenos Aires perdeu 37,9% do seu valor, uma das piores quedas de sua história.

O peso argentino desvalorizou na véspera 25,5% e nesta terça-feira (13) acumulou outra queda de 5,5%.

Fonte: Suputinik/BA

Share.

Deixar uma resposta