Homem quer baixar idade para poder falar com mais mulheres no Tinder

0

Emile Ratelband tem 69 anos, mas quer ter 45. Decidiu ir para tribunal para mudar a idade e deixou o motivo bem claro: poder falar com mais mulheres na aplicação de encontros Tinder. “Uma pessoa transexual também pode mudar de sexo”, argumenta.

Emile é reformado e solteiro, conhecido na Holanda pelas suas palestras motivacionais. Processou as autoridades locais depois de estas recusarem a sua solicitação para alterar a idade. Alega que deve ser autorizado a mudar a data de nascimento porque os médicos lhe disseram que tem o corpo de um homem de 45 anos.

O caso vai ser analisado num tribunal da cidade de Arnhmen, na província holandesa de Guéldria.

Emile nasceu a 11 de março de 1949, mas diz que se sente pelo menos 20 anos mais novo. Pede que a data de nascimento seja alterada para 11 de março de 1969 ou mais tarde. Segundo o jornal irlandês “The Irish Post”,o empresário, que se converteu ao budismo, disse: “Fiz um “check-up” e qual foi o resultado? A minha idade biológica é de 45 anos”.

“Quando tenho 69 anos, sou limitado. Se tiver 49, posso comprar uma casa nova, conduzir um carro diferente. Posso arranjar mais trabalho. Quando estou no Tinder e digo que tenho 69 anos, não recebo resposta. Quando tiver 49 anos, com a cara que tenho, vou estar numa posição de luxo”, afirmou o holandês.

Emile sente-se discriminado por causa da idade e diz encontrar diariamente problemas na sociedade holandesa. “As pessoas transexuais podem alterar o género sexual na certidão de nascimento e, nesse sentido, devia ser possível mudar a idade”.

O empresário defende que ao mudar a idade estaria também a ajudar o governo, uma vez que deixaria de receber a sua pensão até que atingisse a idade da reforma novamente.

O juiz que preside o caso de Ratelband disse simpatizar com a situação, mas considera que haveria problemas práticos em permitir que as pessoas mudassem a idade, que significaria excluir legalmente uma parte significativa das suas vidas.

O tribunal de Arnhmen deve entregar uma decisão por escrito dentro de quatro semanas.

Fonte: Jornal Nacional.PT/Ba

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: