Holanda vence o Festival Eurovisão da Canção 2019

0

A Holanda venceu o 64ª. Festival Eurovisão da Canção com 492 pontos, somadas as pontuações do júri e do público. Duncan Laurence arrecada assim a quinta conquista do troféu para o país com a música ‘Arcade’.

No segundo lugar ficou Itália (representada por Mahmood, com o tema ‘Soldi ‘), com 465 pontos (253 pontos do público e 212 dos júris), e na terceira posição a Rússia (Sergey Lazarev, ‘Scream ‘), com 369 pontos (244 do público e 125 dos júris).

Esta foi a quinta vez que a Holanda venceu o concurso, depois dos triunfos em 1957, 1959, 1969 (ex aequo com Espanha, Reino Unido e França) e 1975.

A Holanda ocupava, desde o dia 7 março, o primeiro lugar de um ranking de 41 países concorrentes, cuja classificação é definida pela média das casas de apostas.

Na final de hoje, em Telavive, estiveram 26 países. Chipre, Eslovénia, República Checa, Bielorrusia, Sérvia, Austrália, Islândia, Estónia e San Marino foram os primeiros países a ser apurados. A estes juntaram-se, da segunda semifinal, a Macedónia, Holanda (a vencedora) , Albânia, Suécia, Rússia, Azerbaijão, Dinamarca, Suíça, Noruega e Malta. E a estes 20 países juntaram-se os chamados ‘cinco grandes’ – França, Alemanha, Itália, Espanha e Reino Unido – e o país anfitrião, Israel.

Conan Osíris, com a canção ‘Telemóveis’, ficou pelo caminho, não tendo sido escolhido na primeira semifinal. Portugal venceu pela primeira vez o concurso em 2017, com a música ‘Amar pelos Dois’, interpretada por Salvador Sobral. Por ter sido vencedor nesse ano, Portugal foi o anfitrião no ano passado, edição vencida por Israel com tema ‘Toy ‘, interpretado por Netta.

Fonte: N. Minutos/LD

Share.

Sobre o autor

Avatar

Eliseu Augusto Botelho é jornalista da Televisão Pública de Angola desde Dezembro e 1999. Foi editor do 1º Jornal e do Jornal Nacional, ambos na TPA2 e Coordenador do Jornal da Tarde e co-coordenador do Telejornal, ambos na TPA1. Já foi chefe de redacção do Centro de Produção da TPA em Caxito-Bengo. Actualmente exerce a função de jornalista na Direcção de Multimédia da TPA, cuja tarefa é gerir os conteúdos publicados nas várias páginas do facebook da estação e no seu site oficial. Tem o curso médio de Jornalismo do IMEL e várias formações em Angola e Portugal com professroes, Angolanos, Brasileiros e Portugueses. É licenciado em Relações Internacionais, pelo Instituto Superior de Relações Internacionais, afecto ao Ministério das Relações Exteriores da República de Angola.

Deixar uma resposta