Hamilton “incrédulo” com a forma como perdeu para Vettel

0

Lewis Hamilton partiu, este domingo, da pole position no Grande Prémio da Austrália, e assim se manteve até à 28.º volta, quando uma jogada estratégica da Ferrari lhe ‘roubou’ a liderança para Sebastian Vettel.

Kevin Magnussen e Romain Grosjean enfrentaram problemas e ficaram imobilizados na pista, obrigando a organização a activar o safety car virtual quando o britânico seguia na frente. Foi então que o alemão, que estava em terceiro, foi às boxes e de lá acelerou para o primeiro lugar.

No final, o piloto da Mercedes não queria acreditar na forma como perdeu a primeira corrida da temporada da Formula 1: “Estou incrédulo porque fiz tudo o que era suposto vencer. Conduzi tão bem quanto consegui e não cometi nenhum erro”.

“Não percebi totalmente naquele momento e eles [engenheiros da Mercedes]também continuam sem perceber. Não me conseguiram dar uma razão exacta para ter acontecido o que aconteceu. Não sei dizer como me sinto quanto a isto, mas nunca é fácil perder um Grande Prémio”, acrescentou, em declarações à estação televisiva britânica Sky Sports.

Em Melbourne, Hamilton ficou em 2.º e Raikkonen em 3.º.  Ricciardo, em Red Bull, foi 4.º, falhando, por pouco, o primeiro pódio de um australiano na corrida doméstica, à frente de Alonso, 5.º na estreia do McLaren-Renault.

Classificação:

1.º Sebastian Vettel Ferrari 1:29.33,283 h (58 voltas)
2.º Lewis Hamilton Mercedes +5,036 s
3.º Kimi Raikkonen Ferrari +6,309 s
4.º Daniel Ricciardo Red Bull-Renault +7,069 s
5.º Fernando Alonso McLaren-Renault +27,886 s
6.º Max Verstappen Red Bull-Renault +28,945 s
7.º Nico Hulkenberg Renault +32,671 s
8.º Valtteri Bottas Mercedes +34,339 s
9.º Stoffel Vandoorne McLaren-Renault +34,921 s
10.º Carlos Sainz Renault +45,722 s
11.º Sergio Perez Force India-Mercedes +46,817 s
12.º Esteban Ocon Force India-Mercedes +1.00,278 m
13.º Charles Leclerc Sauber-Ferrari +1.15,759 m
14.º Lance Stroll Williams-Mercedes +1.18,288 m
15.º Brendon Hartley Toro Rosso-Honda +1 volta

Mundial Pilotos:

1.º Vettel, 25 pontos
2.º Hamilton, 18
3.º Raikkonen, 15
4.º Ricciardo, 12
5.º Alonso, 10
6.º Verstappen, 8
7.º Hulckenberg, 6
8.º Bottas, 4
9.º Vandoorne, 2
10.º Sainz, 1

Mundial Construtores:

1.º Ferrari, 40 pontos
2.º Mercedes, 22
3.º Red Bull-Renault, 20
4.º McLaren-Renault, 12
5.º Renault, 7

Fonte: NM e ABOLA / EB

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: