Gripes e constipações no cacimbo, saiba como prevenir-se

0

O tempo de Cacimbo começou oficialmente no dia 15 Maio em Angola e nessa época a preocupação maior das pessoas é redobrar os cuidados com a saúde e o uso de vestes apropriadas à época. Há pessoas que consideram o Cacimbo a época das roupas fechadas e outros como o tempo das doenças respiratórias.

Apesar de que em muitas cidades ainda não se verificar o habitual frio (humidade), as gripes, constipações e tosses vão dando sinais de que é necessário proteger-se, usando agasalhos.

Várias farmácias aumentaram o seu stock de fármacos para a gripe e constipações, porém o conselho dos farmaceúticos mesmo é a prevenção.

As boutiques também já mudaram as suas montras e disponibilizam um leque diverso que roupas apropriado para a época.

Nos mercados informais, também é notória a preocupação de vendedores e compradores em vestuários mais quentes.

Conheça algumas diferenças entre ambas as enfermidades:

Gripe vs Constipação

Sintomas

Constipação

Gripe

Febre Raramente Elevada; durante 3-4 dias
Dor de cabeça Raramente Forte
Dor no corpo Ligeira Frequentemente; por vezes intensa
Fadiga, fraqueza Ligeira Pode durar 2-3 semanas
Exaustão Nunca Intensa e surge no início da doença
Nariz entupido Frequentemente Por vezes
Espirros Frequentemente Por vezes
Garganta inflamada Frequentemente Por vezes
Tosse, sensação de “peso” no peito Ligeira a moderada; tosse seca Frequente; pode tornar-se grave
Complicações Congestão dos seios nasais ou dor de ouvidos Bronquite, pneumonia; eventualmente fatal
Prevenção Nenhuma Vacinação anual – medicamentos antivíricos (consulte o médico)
Tratamento Alívio temporário dos sintomas Medicamentos antivíricos (consulte o médico)

Já para fortalecer o seu sistema imunológico e não ficar de cama, uma alimentação saudável é fundamental.

Você pode manter o seu sistema imunológico fortalecido desde a primeira até a última refeição. Para isto, basta consumir algumas substâncias, como ômega 3 e vitaminas A e C, que encontramos em alguns alimentos que em um rápido preparo.

Alimentos que ajudam a aumentar a imunidade

Ricos em Vitamina A

Abóbora, manga, cenoura, brócolis, espinafre, agrião, couve e tomate;

Ricos em Vitamina C

Laranja, kiwi, acerola, maracujá e tangerina, abacaxi e morango

A Vitamina C merece um destaque especial. Muitas pessoas aumentam a ingestão de vitamina C, já que contribui para o fortalecimento do sistema imunológico.

Porém, vale ressaltar que o nosso organismo absorve até no máximo 80 miligramas de vitamina C por dia (valor referente a um  adulto, variando entre homens e mulheres).

O que ultrapassa essa conta simplesmente é eliminado na urina. Isso acontece, por exemplo, com os suplementos vitamínicos, que em média oferecem 1 grama do nutriente.

É importante saber que a vitamina C em excesso pode se tornar um agente oxidante, em outras palavras, contribui para o envelhecimento.

Quando falamos em consumir frutas ricas em Vitamina C, vale um alerta: este tipo de vitamina é  sensível à luz, calor e ao oxigênio. Por isso, as frutas devem ser consumidas extremamente frescas.

As frutas com vitamina C não devem ser guardadas na geladeira e quando quiser conservá-las, depois de cortadas, sele-as com um papel filme.

Ricos em Ômega 3

Linhaça, castanhas, amêndoas, peixes, azeite.

Infelizmente, o ômega 3 não é produzido pelo nosso organismo, por esta motivo, deve ser incluído na dieta. Sua principal função contra as doenças é o poder anti-inflamatório. O recomendável é consumir uma porção de peixe duas ou três vezes por semana.

Já a linhaça, pode ser consumida diariamente e de duas formas: a semente triturada – como ingrediente para vitaminas ou adicionada à refeição como farinha – e em óleo.

Probióticos

Probióticos previnem gripes e resfriados

Leites fermentados, iogurte com lactobacilos, fibras solúveis encontradas nas frutas  e cereais integrais.

Probióticos nada mais são que  carboidratos não digeridos pelo organismo humano e que contribuem para a manutenção da flora intestinal. Caso as bactérias do aparelho digestivo não estiverem desempenhando adequadamente seu trabalho, as vitaminas e minerais consumidos não serão absorvidos da forma que deveriam.

O alho é muito eficaz quando se trata de fortalecer o sistema imunológico. Uma boa alternativa, é consumi-lo em cápsula.  

O óleo de alho em cápsula possui quase 1 grama do princípio activo, comparado ao chá, que não concentra mais que 100 miligramas. A única contra-indicação é para quem sofre de gastrite, já que a  cápsula é um pouco ácida.

Sem contar que o alho também tem um outro ponto positivo: é antitussígeno. Isso quer dizer que  pode ser usado para acalmar a tosse e combater alguns sintomas de doenças crônicas do aparelho respiratório.

Vitaminas do complexo B

Aumentam a imunidade do organismo. Podemos encontrar esse substância na lentilha, arroz integral, gengibre, germe de trigo, banana, verduras verdes, abacate, galinha, gema de ovo e nozes.

Zinco

Mineral muito importante para o sistema de defesa, já que faz parte de enzimas antioxidantes e sua deficiência resulta em diversas doenças imunológicas. É possível encontrar zinco nas carnes,  aves e feijões.

Selênio

Este mineral apresenta grande capacidade antioxidante, neutralizando a ação dos radicais livres no nosso corpo, além de ajudar na defesa antioxidante, afastando cada vez mais a gripe.  E onde podemos encontrar uma considerável fonte deste mineral? Na castanha-do-pará.

Gripes e constipações são doenças diferentes, causadas por vírus diferentes, mas com sintomas bem comuns. Por este motivo muitas pessoas acreditam que se trata da mesma doença.

TPA

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: