Geólogos descobrem fractura misteriosa de 3 quilómetros no sul dos EUA

0

Cientistas americanos encontraram uma fractura gigante de três quilómetros de extensão, nove metros de profundidade e alguns metros de largura, no estado do Arizona, nos EUA.
A notícia foi dada pelo serviço geológico do estado.

“Reparei na fenda ainda em dezembro de 2014 ao analisar mapas da região no Google Earth. Inicialmente, esta não me parecia muito grande, mas quando comecei a analisá-la, verifiquei que ela é muito mais extensa do que as imagens da Google indicam e que seu comprimento ultrapassa três quilómetros”, revelou o geólogo Joseph Cook citado pela edição Live Science.

Se trata de uma estrutura especial que os cientistas tiveram que examinar com ajuda de drones, devido à sua grande envergadura. A fratura está situada na parte deserta do sul do Arizona, entre as cidades Tucson e Casa Grande. As causas do seu surgimento ainda não estão claras.

Segundo Cook, a fenda, pelos vistos, começou a se formar há já muito tempo, suas paredes na parte norte começaram a desabar para dentro. Na parte sul esta continua aumentando de tamanho, afastando o solo em alguns metros e formando um desfiladeiro de 10-30 metros de profundidade.
Na opinião do cientista, a fractura se formou na sequência de actividades humanas. Ultimamente os proprietários de fazendas nas cidades do Arizona bombeiam água em grandes quantidades de poços artesianos, o que fez baixar o nível das águas subterrâneas e gerou um vácuo em grandes profundidades.

Cook e sua equipa descobriram a existência de 170 desfiladeiros deste tipo, cujo tamanho vai crescer nos próximos anos. Felizmente eles não representam perigo para homem por ficarem longe de zonas urbanas, concluem os cientistas.

Fonte: Sputnik / EB

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: