Ex-namorado de George Michael revela que cantor tentou matar-se 4 vezes

0

Em 2016, George Michael foi encontrado morto na sua casa em Oxfordshire, Inglaterra, no dia de Natal. Na altura, a autópsia revelou que o cantor de 45 anos tinha morrido de causas naturais, derivadas de problemas cardíacos e hepáticos.

Contudo, a verdade é que o músico tinha muitos mais problemas do que aqueles que o público conhecia, conforme garantiu o seu antigo namorado, Fadi Fawaz.

“Tudo o que ele queria era morrer”, descreveu numa publicação que fez há uns dias. De acordo com Fadi, o artista chegou a tentar o suicídio em quatro ocasiões diferentes. Uma das vezes aconteceu em 2013, quando Michael saltou de um carro em movimento em plena autoestrada. Apesar do momento ter sido declarado um acidente, sabe-se agora que foi uma tentativa de suicídio.

O episódio mais alarmante aconteceu quando o ex-integrante dos Wham! encontrava-se em reabilitação: “Tentou esfaquear-se 25 vezes. Nunca me disse como fez isso”, confessa.

Fadi Fawaz e George Michael iniciaram o relacionamento em 2011. Nessa época, o cantor estava a tentar ver-se livre das drogas como a cocaína.

O ex-companheiro relembrou ainda o momento em que encontrou George morto: “A cara dele parecia normal, tinha as pernas juntas, mas parecia tenso e não vi nenhum vómito. Toquei-lhe e vi que estava frio. Não percebi que estava morto até ver os dedos azulados”.

Fonte: Fama ao minuto/BA

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: