Espanha notifica mais 47 mortes e 3.594 novos casos no último dia

0

O Ministério da Saúde espanhol reporta, esta quarta-feira, um acréscimo de 7.269 casos de contágio ao balanço total, sendo que 3.594 casos foram registados nas últimas 24 horas, reforçando a tendência de crescimento dos últimos dias, que ontem foi descrita como “preocupante” pelo primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez.

O número total de casos de pessoas com diagnóstico positivo confirmado pelo teste PCR é agora de 419.849 desde o início da pandemia em Espanha, o maior número acumulado de casos na Europa.

Madrid continua a reunir o maior número de novos casos de infeção, com 1.513 doentes admitidos em hospitais nas últimas 24 horas, quase metade dos casos totais.

As autoridades sanitárias registaram, ainda, a morte de 47 pessoas nas últimas 24 horas, segundo o reportado pelas comunidades, um  número inferior ao dia anterior (52), mas muito acima dos registos diários apresentados desde o final de maio (maioritariamente abaixo de 10 óbitos por dia). Em termos globais, Espanha já contabiliza 28.971 mortes desde o início da crise pandémica.

Também aqui, Madrid sofre o maior impacto. É a comunidade com mais óbitos por Covid-19 na última semana (57), acima da Andaluzia (15).

Sublinhe-se que o número de casos de contágio reportados são sempre sujeitos a modificação, uma vez que o país atualiza dados de forma retroativa. O número global de infeções diárias (que hoje são 7.269) integra registos ocorridos nos últimos dias, cuja comunicação pelas administrações regionais de saúde é feita em dias não coincidentes.

Espanha já deu início ao processo de desconfinamento mas, nas últimas semanas, têm surgido vários surtos por todo o país, o que obrigou, em certas regiões específicas, a recuar no alívio de regras e a impor novamente algumas restrições.
Fonte: NM

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: