Enfrentando restrições dos EUA, Huawei emerge como forte competidora tecnológica

0

Muito antes de ser colocada na mira dos Estados Unidos, a fabricante chinesa de equipamentos de telecomunicações Huawei já estava investindo pesado para substituir sua dependência de produtos estadunidenses.

O fundador da Huawei diz que, em vez de prejudicar a empresa, as restrições à exportação estão tornando-a uma concorrente mais forte, forçando os gerentes a concentrar os recursos em seus produtos mais importantes.

Pouco conhecida pela população dos EUA, a Huawei Technologies é a segunda maior fabricante mundial de smartphones. É também a maior fabricante de equipamentos de comutação para redes telefônicas. Seu equipamento é usado por 45 das 50 maiores operadoras de telefonia do mundo.

A Huawei é pioneira no campo emergente de telecomunicações de próxima geração, ou 5G, que trará internet mais rápida e suportará carros autônomos e outras aplicações futuristas. Isso alimenta as preocupações de segurança ocidentais e torna o 5G politicamente sensível.

Os Estados Unidos defendem que seus aliados não devem utilizar produtos da gigante chinesa sob alegações de segurança.

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: