Diabetes diagnosticada aos 50 anos pode tirar uma década de vida

0

Estudo revela que as pessoas que recebem o diagnóstico de diabetes tipo 2 aos 50 anos têm o dobro da probabilidade de morrer antes dos 75 anos.

Um estudo realizado por investigadores da Universidade de Oxford e que contou com a participação de mais de meio milhão de pessoas chinesas verificou que os participantes que foram diagnosticados com diabetes tipo 2 aos 50 anos viveram em média 9 a 10 menos do que aqueles sem a condição.

Sabe-se que a diabetes tipo 2 – o tipo ligado à alimentação e estilo de vida pouco saudável e ao excesso de peso – duplica o risco de ataques cardíacos e AVC.

Mas, segundo destaca o Daily Mail, este novo estudo aponta os dados mais concretos até hoje, mostrando que as pessoas diagnosticadas com diabetes tipo 2 aos 50 anos têm o dobro da probabilidade de morrer antes de chegarem aos 75 anos (69%) do que outros indivíduos em situações comuns mas sem a condição (38%).

Apesar de o estudo ter sido feito na China, o principal autor deste estudo, professor Zhengming Chen, alerta para a urgência de todas as pessoas com diabetes tipo 2 aderirem aos tratamentos e fazerem mudanças no estilo de vida.

Fonte: Notícias ao minuto/BA

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: