Covid-19: Namíbia reabre fronteiras ao fim de seis meses de estado de emergência

0

A Namíbia, o grande vizinho de Angola a sul, acaba de decidir pela reabertura das fronteiras ao fim de seis meses de estado de emergências onde o acesso ao país estava fortemente condicionado, apenas permitido em casos de urgência comprovada e cumprindo os requisitos impostos pelo Governo de Windhoek.

Para Angola, a abertura das fronteiras da Namíbia resulta em possível maior facilidade de acesso ao país, nomeadamente estudantes e comerciantes, por via terrestre, embora esta melhoria nos acessos tenha de corresponder a uma actuação bilateral, de acordo com as regras sobre esta matéria no âmbito da SADC.

E o mesmo se aplica aos voos comerciais entre os dois países vizinhos, que estão suspensos desde Março, por causa da pandemia do novo coronavírus.

O anúncio da reabertura foi feito pelo ministro das Relações Internacionais e Cooperação, Netumbo Nandi-Ndaitwah, durante a habitual actualização de dados sobre a infecção, na sexta-feira.

“O nosso país está agora de portas abertas para o turismo e para os negócios”, afirmou o governante namibiano citado pelo The Namibian, acrescentando que em relação às fronteiras terrestres, que estavam abertas apenas para situações excepcionais, agora, para que a circulação ocorra normalmente, vai depender de uma actuação bilateral porque de nada vale um país dizer que tem as portas abertas e o outro mantê-las encerradas”.

Actualmente, a Namíbia apenas vai poder concretizar a sua “abertura” com a África do Sul, que iniciou o processo de reabertura na semana passada, porquanto, a Norte e a Leste, Angola, Botsuana, Zâmbia e Zimbabué a manterem ainda as restrições pandémicas.

Fonte: NJ

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: