Bebé iraniana doente chega a hospital dos EUA após ter sido banida

0

Uma bebé iraniana que precisa de uma operação ao coração urgente chegou a um hospital de Portland com a família, após ter sido temporariamente impedida de entrar nos EUA devido às medidas anti-imigração de Donald Trump.

Fatemeh Reshad, de quatro anos, deu entrada na manhã de terça-feira num hospital de Portland, local que os pais escolheram por terem familiares nas proximidades.

Os médicos iranianos tinham advertido os pais de Fatemeh Reshad que a menina precisava de ser operada com urgência.

A família demorou semanas a preparar toda documentação para solicitar vistos de turistas por razões médicas e viajou para o Dubai para uma entrevista para o efeito na embaixada dos Estados Unidos no final de janeiro.

Contudo, o encontro seria abruptamente cancelado e a família foi obrigada a regressar ao Irão na sequência da ordem executiva, firmada na sexta-feira, pelo Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que impede a entrada de cidadãos de sete países muçulmanos.

No entanto, no mesmo dia, um juiz federal de Seattle ordenou a suspensão temporária, a nível nacional, da ordem e, no domingo, um tribunal de recurso rejeitou o pedido da administração de Donald Trump para restabelecer imediatamente a aplicação do controverso decreto, o que viria a permitir a Fatameh Reshad e à sua família entrarem nos  Estados Unidos.

Fonte : Notícias ao Minuto / EG

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: