A explicação por trás da “selfie do ano” com dois gorilas

0

A “selfie do ano” que está a correr o mundo, de um guarda-florestal com dois gorilas, gerou algumas questões dos internautas mais atentos. Na imagem partilhada no Facebook, Ndakazi e Ndeze estão em pé, sobre as duas pernas, numa posição semelhante à dos humanos.

Segundo o diretor do Parque Nacional de Virunga, na República Democrática do Congo, não é comum que os primatas se levantem, mas o contacto regular com humanos ensinou-os a imitar os seus comportamentos, explica.

Ao The Washington Post um especialista em comportamento de primatas afirma que, em liberdade, os gorilas são conhecidos por se levantarem para alcançar frutas nas árvores, atravessar zonas com água e até para exibir domínio. Por essas razões, mostrou-se surpreendido ao vê-los levantados apenas para olhar à sua volta, apesar de admitir que o comportamento, em cativeiro, pode servir para atrair a atenção de turistas.

Porquê imitar os humanos?

A espécie é uma das que mais imita o comportamento de humanos, nomeadamente dos seus tratadores, imitando expressões faciais e a postura corporal. Segundo especialistas, a semelhança com o corpo humano “torna o comportamento mais fácil”.

Fazem-no não porque acham que é divertido, mas porque “se identificam com quem cuida deles”, afirma um professor de psicologia da Universidade Emory, em Geórgia, nos Estados Unidos.

Ndakazi e Ndeze foram levados para o parque no verão de 2007 com dois e quatro meses, depois das progenitoras serem mortas por caçadores furtivos. Desde essa altura, “consideram que os tratadores são os seus pais”.

“Os guardas em Senkwekwe têm muito cuidado para não comprometer a saúde dos gorilas. Estas são circunstâncias excecionais em que a foto foi tirada. Nunca é permitido abordar um gorila em estado selvagem”, afirmou o parque em comunicado.

Fonte: msn entretenimento/BA

Share.

Deixar uma opinião

%d bloggers like this: